Pessoas de quem eu não gosto

Pessoas armadas em sabichonas, com a mania que sabem mais do que os outros e que do alto da sua infinita bondade distribuem pérolas de saber pelos outros seres de inferiores capacidades.

Como a única porca que temos por aqui é a Jaquina e essa é já alimentada com regularidade… eu dispenso bem as tais pérolas.

Em oposição, gosto e sempre gostei, em qualquer vida, de honestidade e frontalidade. Das cartinhas colocadas todas em cima da mesa sem subterfúgios.

E assim, assumo que não gosto da Cat Magellan. Já gostei e muito. Já fomos amigas e muito. Até achei que éramos parecidas. Hoje, em cada linha dela, mais caracteristicas descubro que me afastam e me fazem gostar a cada dia um pouco menos e menos.

Eu, quando não gosto, assumo-o e depois mantenho-me ao largo. Não procuro as pessoas, não entro em guerras e não busco confusões. E gostava muito que a Cat Magellan fizesse o mesmo. Que percebesse que ninguém lhe tenta fazer sombra e que só lhe desejamos as maiores felicidades como guru bloguista, SLista ou raiosapartista, hehehehe. E que se optou por não fazer parte desta comunidade de Portucalis, vá lá reinar nos espaços que são dela, onde tem a margem de manobra para fazer a auto-propaganda toda que necessita e arrotar as postas de pescada que entender.

Há muitos caminhos por essas vidas, de certeza que os suficientes para não termos que nos pisar… Há mundos dentro de mundos, expansíveis até onde quisermos. Eu, sou gente de paz. Gosto de me divertir, olhar à volta e ver toda a gente bem, feliz e contente a aproveitar os bocadinhos fantásticos que o Second Life nos proporciona. Não pretendo ensinar nada a ninguém, e pelo contrário até gosto de aprender com os outros, desde que isso aconteça de forma natural e autêntica, sem pretensões, numa partilha de palavras em que de repente dou por mim a tomar notas e mais notas, a perceber que quero consultar este site, que preciso ler aquele livro, que sou tão ignorante que ainda não conheço aquele músico.

Contudo, este mau feitio faz-me enfrentar também todas as guerras que por aí vierem, e que sejam necessárias a assegurar a paz e o sossego deste cantinho que partilhamos com tanto entusiasmo todos os dias. E não resisto a terminar com uma sugestão do Imso: que tal a Cat Magellan abrir um novo blog a chamar-se, por exemplo, “Conversas de Escárnio e 100 dizer ?”

Anúncios

Uma resposta

  1. […] para mim que nunca se deve perder muito tempo com amabilidades como as que a Summer me dedica neste e neste post. Aliás, não fosse o facto de em tempos, tê-la convidado para escrever neste blog, […]

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s

%d bloggers like this: