Na Livraria Lx hoje às 22:00

City Lights convida : Em Setembro …ler é bensoca!
Domingo às 22.00 horas locias – hoje, portanto, na Livraria Lx em Portucalis.
Hopes and Dreams. ( Limite 40 pessoas).

O Estrangeiro, de Albert Camus.

Hoje a minha mãe morreu.” A primeira frase do primeiro e único romance existencialista. Podemos ficar do lado do narrador que fala na primeira pessoa… sem nunca se deixar conhecer. Não temos opção de escolha …somos simplesmente opacos…basta de filosofar.

Não sou capaz. Nunca serei capaz de matar ninguém sem deixar um traço“, “Nunca matei ninguém…mas apetecia-me“, “Odeio as pessoas e gostava de me suicidar“. São coisas normais que ouvimos todos os dias na SL.

Ao contrário…”O Estrangeiro” mata um árabe e não tem remorsos. É condenado à morte. Tout court! Vamos encontrar as pontes e as cisões possíveis? Esta leitura é apenas um pretexto!

O livrinho existe em variadíssimas versões…em todo o lado e lê-se num dia. Venham conversar connosco!!

Até logo!
Hopes e Fokas

Anúncios

8 Respostas

  1. Não pude estar presente mas li o livrinho há mais de 20 anos. De facto, em termos de quantidade de páginas é um livrinho, mas não creio que seja um “livrinho”: é preciso voltar a ele mais que uma vez. E também não é o único romance existencialista, apesar de ser marcante. Sartre e Camus foram amigos.

    Mas o mais importante: espero que a discussão sobre o livro tenha decorrido… com grande discussão 🙂

  2. […] Na Livraria Lx hoje às 22:00 City Lights convida : Em Setembro …ler é bensoca! Domingo às 22.00 horas locias – hoje, portanto, na Livraria […] […]

  3. Correu muito bem…foi uma noite quente e muito agradável …com menos “lols” e “ois” que o habitual. Houve gente nova e gente da casa… numa tertúlia animada que chegou até perto daàmeia noite.
    Hora em que a geração Sandokan (com mais de vinte anos…) acordada…aparece tranquilimente…para espanto dos mais novos… falar de um livro de vida…que lhes marcou a adolescência, idade mítica que nunca abandonaram…

    Próximo encontro no último domingo de Outubro, mesma hora, e desta vez na Academia Portucalis por amável e irrecusável convite da Sra. Reitora. Vamos começar o nosso projecto de itinerância previsto para esta Estação do ano com outro livro da nossa vida: “A Obra ao Negro” da Marguerite Yourcenar. E pela primeira vezes um discurso no feminino plural.

    À Summer os nossos agradecimentos pela gentileza com que nos cedeu a Livraria LX… local ao qual nos mantemos ligados por um fio de prata e que voltaremos sempre com muito prazer.

    Hopes e Fokas

  4. Fico satisfeita por, mais uma vez, terem alcançado os vossos objectivos.

    E não há cá lugar para agradecimentos nenhuns, Sir Greenwood. A livraria mantém-se ao vosso total dispor, como sempre esteve desde que foi montada.

    Como aliás, todos os sitios públicos em Portucalis, claro que falando eu sobretudo em nome daqueles sob a alçada do Resort. Desde o Caneco, à galeria e ao Auditorio, creio que não é novidade para ninguém que os sítios existem desde sempre para que os utilizem como vos aprouver… há quase ano e meio que assim é, de resto 😀

  5. Ups!

    Ainda nem sequer comprei o livro………… Vergonha!

    Acho que não tenho remédio.

    😦

  6. Eu que ando completamente imersa em trabalho RL (e por isso desaparecida de SL), consegui ir a este encontro…

    Quem não foi, não sabe o que perdeu! Foi muito bom mesmo, tal como o Fokas retrata! Parabéns Hopes e Fokas!

    Sabem? Eles coordenaram o brainstorming duma forma incrível. Foram introduzindo informação adicional que nem todos detinhamos, foram colocando questões pertinentes e “acutiladoras” da discussão, foram sintetizando as ideias e confrontando-as com todos… tudo nos momentos certos. Dois verdadeiros profissionais!

    É com o maior prazer que a Academia Portucalis acolhe o próximo encontro de City Lights!

    A “Obra ao Negro”, que li há alguns anos, já está na minha mesinha de cabeceira! 🙂

  7. […] como anunciei no comentário a este post é com o maior prazer que a Academia Portucalis vai acolher esse […]

  8. […] O Estrangeiro, Camus – link1, link2, […]

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s

%d bloggers like this: